quarta-feira, setembro 06, 2006

Quartas d'água

A chuva parece que não quer dá um tempo. O tempo continua abraçando o frio. E o frio tá chato. Chato porque eu não ando nada bem...

Gostaria sim agora deixar esse tempo passar
Curtir esse tempo aqui
E ficar muito bem ao redor
Sorrir mais do que o normal
E saber que está tudo bem
indefinível esse dia
em que tudo era pra ser
mas sem querer eu fiz
deixar o que não era
pra ser de volta brincar
então ainda não se fez fim
dando voltas variando
permirtindo o incompleto
e sorrir enfim após
após você
pós- nós dois
estranhos abraçados
caminhando cambaleando
me lembrei de volta
não quero mais deixar passar
vou ficar permanecer
enlouquecer mais
mas, por você.

5 Comments:

Blogger Juju [Top] Mascarenhas said...

Adorei o trocadilho de "cargas d'água", por "quartas d'água" ;)
Beijo :)

p.s.: já add seu blog ao meu. O Pintura Íntima findou-se. Eis o novo! O Poesia e Paixão! :)

8:20 PM  
Blogger Eduarda Fonseca said...

ei milene
recomeçar é preciso
não gosto de estar solteira
sinto falta daquele ombro sabe?
mas se bem que essa ultima solterisse veio a calhar estou me divertindo horrores
brigada pela visita
te likarei ok?
beeeeeijos

e volte sempre
eu voltarei
;*

8:55 PM  
Blogger Daniel Moura said...

Lindo teu post...
Gostei da Piadinha... heheh

Fica c/ Deus...

8:00 AM  
Blogger Rodrigo Huagha said...

a chuva atrapalha a senhorita e a chuva atrapalha as filmagens...

10:35 PM  
Blogger Segunda Pele said...

Adorei esse canto!

9:43 AM  

Postar um comentário

<< Home